Como “bloguer” me confesso

Bloggers-4Tenho dado por mim na indecisão se deveria ou não escrever sobre isto…já comecei a compor o texto sobre o assunto várias vezes na minha cabeça…tenho a estranha mania de o fazer… Ao contrário do que possa parecer normal eu faço o “rascunho” dos meus textos mentalmente…penso…aprumo… falo sozinha… por si só as conversas que tenho comigo dava uma odisseia… e depois se ele se mantiver, passo-o para o PC onde é novamente peneirado, ou não, por mim.

Este tema tem deixado muita gente com maus fígados, eu confesso que não ligo a isso, num estado de direito onde nos julgamos, pelo menos quando interessa, todos Charlie… é sempre bom associarmos-mos a campanhas que não nos comprometa muito, cada um diz o que pensa…

Vivemos num estado de “direitos” onde se tenta lucrar com a imagem que temos… já foram os comerciais… a ida às “vernissages” com as joias emprestada (isso ainda se mantém) e agora são os blogues… cada vez mais a internet é o novo “deus” da humanidade… e se até consultas médicas se fazem online porque não se fará consultas sobre moda…bem-estar… publicidade sobre produtos que se pensarmos bem são tantos e tão variados que para os usarmos a todos ainda teríamos de pedir emprestadas horas ao dia… que interessa se não são aconselhados à nossa pele? Se a Maria da esquina que tem 500 mil e 300 seguidores diz que ficamos com pele de pêssego é porque ficamos… mesmo que ela nunca o tenha usado… mesmo que depois tenhamos de lidar com os anti-histamínicos… que interessa isso…pensar pela própria cabeça dá um trabalho desgraçado.

Penso que por esta altura já deverão saber qual o tema do texto… senão sabem e eu que gosto de todos os traços nos “t” e todos os pontos nos “i” digo, falo dos blogueiros famosos, ou acham eles que são, do nosso país.

Pelo que consegui perceber houve uma reportagem sobre o fenómeno blogue em Portugal e pelos vistos algumas pessoas chegaram a conclusão que muitos dos blogues de gente “famosa” é apenas e só um veiculo para ganhar publicidade, com textos que não lhes pertence onde apenas é usada a sua imagem… não digo que serão todos… apenas refiro que o são na sua maior parte… e qual é a novidade pensem bem… se os likes podem ser comprados… se a páginas podem sem promovidas por um valor… se somos constantemente inundados com sugestões de páginas é normal que se vá lá “clicar” e ver o que se passa… se meia dúzia fizer like… se ¾ partilhar porque é desta ou daquela cara que aparece na televisão…mesmo sem consistência nenhuma já esta feito e lançado depois é só promover em todo e qualquer evento que se vá para fazer boca livre.

E como o português gosta de uma boa cusquice e adora ser iludido lá vai acrescentando número ao blogue ou a página da dita coisa… sem ofensa!

Vejam o caso do suposto guru…mandou uma boca para o ar… e pronto neste momento aumentou em 500% o número de seguidores na página e exponencialmente as vendas dos livros (que desperdício de papel) … falem bem ou falem mal o importante é que falem e não me venham com tretas porque inevitavelmente vai se lá ler o que escrevem, nem que seja para criticar… e assim a página/blogue tem visionamentos e mexe… e se mexe gera dinheiro… e se gera dinheiro mais publicidade metem lá dentro… e mais pessoas lá vão ler para criticar e mais movimento gera… ciclo vicioso…. E mesquinho!

Agora por outro lado e não sejamos hipócritas nós que escrevemos, gostamos que nos leiam…senão voltávamos à moda antiga dos diários com a chave incorporada e sentimo-nos ofendidos com o que se passa… eu falo por mim, escrevo porque me dá prazer, porque exorcizo demónios… mas adoro quando os meus textos geram polémica…quando tocam em alguém…quando me comentam.

Fico genuinamente feliz quando recebo mais um seguidor…mais um like (embora confesse que em 7 anos de blogue criei este ano a página no face)… mas dizer que fiquei surpreendida com o facto desses blogues serem de fachada não fiquei… aliás se quisermos ser venenosos a sério se eles nem o que vestem decidem… se o que dizem é escrito e levado à letra, aposto o dedo mindinho que se tivesse gralha no meio do texto nem davam por ela, como poderiam do nada criar textos fabulosamente argumentados… a equipa esta lá para isso mesmo… como alicerce principal.

E muitos dos que batem no peito como virgens ofendidas, são os que também andam atrás de promoção e de amostras grátis.

E sim li, fiz questão de ler o texto de outra personalidade incrivelmente interessante, not, que se sentiu ofendida e que veio a público no seu blogue dizer que é mais ele… pois eu sou mais eu e depois de ler fiz o que de bem sei fazer… johny walker e activia.

Por isso a sério deixem de se preocupar com quem apenas quer ser falado e preocupem-se sobre coisas que realmente valem a pena…querem fazer correntes… expandir noticias refiram o caso do Quénia… das atrocidades que acontecem todo o santo dia… atrocidades mesmo ao lado da vossa própria porta…aproveitem o facto de escrever e de pensarem pela vossa própria cabeça e sejam então “charlies” mas “charlies” a sério e não apenas e só porque vos convém… só porque é “in” ou porque esta na “moda”…

E de resto? De resto existe lugar para todos e a fama meus amigos é efémera vem e vai… e só se mantém na ribalta quem de facto trabalha para se manter à tona…

Namasté _()_

PS: entretanto se quiserem mandar amostras a minha pele é mista, o meu cabelo é encaracolado e eu adoro perfumes com cheiro a orquídeas…

Get a life!

Advertisements

Posted on April 7, 2015, in Uncategorized. Bookmark the permalink. 2 Comments.

  1. L'enfant terrible

    Obviamente que toda a gente gosta de ver o que escreve lido por muita gente, mas daí a transformar isso num “fábrica” são outros quinhentos. Acho que é uma questão de postura, eu por exemplo gosto pouco de holofotes, seja na vida real seja na virtual e se porventura eles surgissem na vida virtual acho que não ia mudar nada nem me servir disso para ganhar uns trocos!

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

loudness

magazine

Pseudo

Para o que der e vier!

O estranho mundo de Dom

...um mundo igual a tantos outros ... ou não !

Divas em Apuros

Um espaço de convívio para verdadeiras Divas.

%d bloggers like this: