Coisas que não entendo

o-woman-mirror-facebook-770x418

Hoje coloquei no meu facebook pessoal esta frase:

Seres abjectos que vêm as compras para as mulheres e dizem mal delas deviam levar uma parelha de cornos bem metida.

Não é o facto de isso acontecer que me deixa mais ou menos surpreendida, a verdade é que cada dia que passa, menos cresce a capacidade mesquinha que as pessoas têm de me surpreender… o que me surpreendeu foi a facilidade com que por um lado me disseram que tinham e por outro o facto de atirarem as culpas ás mulheres.

Atenção isto não é uma critica as respostas à minha frase, conheço cada uma das pessoas que as escreveu para saber que não o dizem de animo leve ou como uma forma de humilharem quer as mulheres quer os homens a que me referia, aqui o que acontece é:

Onde foi que numa qualquer curva deturpada do destino que se tornou normal as pessoas enfiarem cornos a alguém ou acharmos normal colocar as culpas na vitima? Seja ela mulher ou homem porque para mim tão filho de um boi é o gajo que fala mal da mulher como filha de uma vaca é a gaja que fala mal do marido!

Eu não acredito em casamentos perfeitos… em amor para toda a vida… sim eu tenho um relacionamento…não, não sou tão ingénua assim para achar que o meu é diferente dos milhentos que existem por esse mundo fora…se isso faz com que eu ache que tenho razão para falar mal da pessoa que tenho ao meu lado? Não! Mesmo que tenha razão para isso.

Um desabafo é um desabafo… algo que fazemos com regularidade principalmente com alguém que nos sentimos confortáveis mas violência verbal, gratuita, num mundo repleto de desamor porque? Para quê?

Mesmo que elas/eles se vinguem com parelhas de cornos (embora isso seja mais um desrespeito a si mesmos que uma vingança, no meu ponto de vista), mesmo que elas não liguem e queiram é que eles lhes comprem as coisas… não é plausível de justificação, não faz sentido existir… não deveria ser considerado “normal”

Toda a gente sabe do meu lado cínico e desconfiado no que diz respeito a relações entres humanos…  o que nem toda a gente sabe é que tenho uma tolerância mínima para violência verbal… menos ainda que a física… Dói mais as palavras que uma bofetada, tão mais que em muitos casos a dor que causa é quase palpável de se sentir e muito mais dificil de cobrir com uma maquilhagem bem feita.

A inumanidade que se causa a um outro, destrói a humanidade em mim.

Immanuel Kant

Namasté _()_

Advertisements

Posted on January 20, 2017, in Uncategorized. Bookmark the permalink. Leave a comment.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

loudness

magazine

Pseudo

Para o que der e vier!

O estranho mundo de Dom

...um mundo igual a tantos outros ... ou não !

Divas em Apuros

Um espaço de convívio para verdadeiras Divas.

%d bloggers like this: