Questiono-me

Questiono-me onde foi que no meio de tantos meios de estar ligado, nos desligamos uns dos outros… tantas apps, tantos gadgets… tablets e computadores último modelo… telemóveis com acesso aos mails, ás redes sociais… videochamadas… messenger e messenger dentro das redes sociais e tantas merdas e merdinhas que não chega um cartão de 600 GB para conseguir ter no mínimo uma velocidade de processador que não nos deixe a beira de um ataque de nervos… nada disso conta… o que conta é a ilusão de estar conectado sem na realidade o estar.

Tenho estado a observar isso nos últimos dias… provavelmente é a febre que me ataca o tico e o teco, que me faz ver as coisas de uma maneira diferente, mas a verdade é que deixou de ser normal o contacto visual… já repararam nisso? É quase como se fosse estranho encarar alguém e olhar directamente para a “janela da alma”… sempre me fez confusão quem fala e olha para todo o lado menos directamente para os meus olhos… as coisas que se lê nas entrelinhas quando olhamos alguém nos olhos… e as coisas que se sentem quando o fazemos com alma…. Além de que se o fizerem é logo um passaporte para uma maior facilidade na comunicação… se juntarem a isso um sorriso? Bingo… jackpot!

Eu sei que vai ser estranho ao inicio e que provavelmente alguém vos vai olhar de lado… mas não existe nada que não se entranhe depois de se entranhar!

Está na altura de voltar ao cara-a-cara… ao contacto directo e mais  que isso está na altura de deixarmos de ser cobardes e nos escondermos por detrás de um ecrã… em tudo e em mais umas botas….

A humanidade está cada vez mais desumanizada… em tudo… mas principalmente na forma como nos relacionamos uns com os outros…

Hoje em dia nem uma resposta têm quem envia CV na busca por um emprego… são relegados ao spam como se não valessem nada… é fácil porque não temos de olhar nos olhos de quem nos busca no desespero de tentar conseguir algo melhor… ninguém é mais que ninguém mas pior que isso ninguém se capacita que sem um o outro não vive….

Façam-no por mim…24h… pelo menos para experimentarem… olhem nos olhos de alguém quando falam com ela… e sorriam… respondam a quem vos procura mesmo que a resposta seja negativa… dêem um pouco de vocês sem estarem à espera de receber algo em troca,  vão ver que a surpresa vai compensar o momento estranho que a antecede 😉

Namasté _()_

Advertisements

Posted on January 24, 2017, in Uncategorized. Bookmark the permalink. 2 Comments.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

loudness

magazine

Pseudo

Para o que der e vier!

O estranho mundo de Dom

...um mundo igual a tantos outros ... ou não !

Divas em Apuros

Um espaço de convívio para verdadeiras Divas.

%d bloggers like this: