Sobre conversas surreais

perola_branca21

……………………

“Boa tarde queria fazer uma simulação de um seguro!

Boa tarde, claro, qual a matricula?

—– B—-

B de Victor?

Não B de borboleta…

Ah B de Beatriz….”

……………..

“O condutor que vai assegurar é o regular?

Qual é a diferença no seguro?

Então um faz o seguro o outro conduz…

Não, a nível de diferença no valor, qual é a diferença?

Então imagine que o condutor é menor…

Desculpe?!

Sim imagine que é menor?

Ahhh já estou a ver que são vocês os seguradores do carro da embaixada que os outros menores conduziram…

Não! O que eu queria dizer era se a carta fosse recente…

Você veja lá o que diz homem!”

………………………….

“Qual é a data da sua carta?

É de ../96

Não o dia?

Quer a hora também é que não me lembro?

Nós aqui não precisamos, mas existem seguradoras que pedem?”

……………………………………..

Pérolas de uma conversa de quase meia hora e eu sem me rir… deve ter sido o melhor treino de abdominais que já tive!

Ah no fim deu-me a simulação e deixem-me referir que tirando as pérolas até foi bastante simpático…

Coisa rara hoje em dia

Namasté _()_

Semana 32 a 34 de 52

14067477_1195659820495494_3882928036141344727_nMais duas semanas, quase três que não passo por cá. Tenho andado em mudança de colecção, dá sempre algum trabalho a manutenção das coisas, entre receber as encomendas, marcar as peças, organizar armazém, introduzir stock novo…verificar o antigo, preparar a decoração da montra da estação nova e escolher estação seguinte… cansados só com a descrição? Sim é cansativo mas dá um prazer bestial.

Por outro fui para fora, o lema aqui do “vá para fora cá dentro” adaptasse bem, e eu fui até onde o mundo real não entra e entra a magia da música, onde todos pudemos ser nós mesmos sem justificar o que somos. E quando regressei ao “mundo real” levei mais algum tempo a adaptar-me a ele… a realidade é que a medida que me aproximo dos “entas” e saio dos “intas” a recuperação leva mais um pouco de tempo, independentemente, da força que temos ou não.

Mas a realidade das coisas é que me sinto cansada do ser humano, da sua pequenez e mesquinhice… das suas lutas travadas de cú alapado no sofá com uma cerveja na mão e o comando da televisão na outra enquanto gritam para quem os quer ouvir:

Isto comigo mudava logo de figura

Entre incêndios que devastam o nosso país de norte a sul e os que devastam do outro lado do oceano. A inundações que originam a que o ser mais egocêntrico se esqueça de outros seres que deixam a sua mercê, muitos amarrados a casas que se vão alagando… de onde perdem as forças e a esperança até que muito raramente alguém imune a maldade, arrisca a sua própria segurança para os resgatar, a quem agradecem da forma que melhor sabem…humildemente! Depois temos a desgraça quando Gaia dança, como em Itália e as centenas de mortos já registados e com tendência a subir, que mesmo as pequenas noticias de milagres não atenuam as feridas de saber que milhares perderam o tecto… o abrigo… a família… o lar.

E no meio disto só ouço e leio, falaram das atitudes “fascistas” e “intolerantes” da policia francesa contra os burkinis nas praias… a esquerda acusa o fascista da direita e a direita a mentalidade retrograda da esquerda… e os politicamente correctos trazem a luz atitudes do sec. passado… e os que apenas se aproveitam para lançar fogo na fogueira por entre zapping de canal, gole na cerveja e dentadas em aperitivos gritam:

que os deviam era lançar todos ao mar!

E eu apenas dou por mim a pensar num ditado tão antigo e tão certo:

Em terra onde fores ter faz como vires fazer!

Não é porque uma usa burkini que irá trazer bombas entre as armações dos soutien… nem é porque a vizinha do lado o dispensa que é uma put@ como já li em comparações idiotas… mas no meio disto todos ignoram que as atitudes que temos são reflexo daquelas que têm connosco, e que por mais que os franceses sejam por norma intolerantes e racistas sofreram vários atentados que destruíram a sua capacidade de manter o lema que os define

Liberté, égalité, fraternité

O mais assustador é que no meio disto se confunde quem de facto está errado com quem age por estar magoado, com criticas que de tão estúpidas seriam engraçadas não fossem elas assustadoras.

E como se isso não bastasse ainda se acha normal que dois adolescentes deixassem em coma um rapaz mais novo…porque como ouvi ou li por aí

O gajo até merecia!

O que aqui ninguém questiona é porque um estava na rua aquela hora e dois deles menores conduziam um carro da embaixada… se esta a história mal contada? Não duvido…  se à boa maneira portuguesa vai ficar em águas de bacalhau? Vai… se é grave? Muito!

No meio disto tudo continuo fiel a mim mesma, costumes são para se cumprir, se imigras para outro país adaptaste aos costumes deles, senão ficas em casa no meio do ambiente em que estás habituado.

Namasté _()_

Semana 29 até 31 de 52

13934955_1181531148575028_1272768260564919741_nE de repente passaram 3 semanas desde da última vez que cá vim… quase um mês passou e o mundo continua louco porque a ganancia se sobrepõe à vida das pessoas…. não há contos de encantar e finais felizes num mundo negro pelo poder e pela necessidade de controlar os outros…

Se tive momentos de pausa? Tive… tive 3 dias ausente do mundo entre cabras e ovelhas (as de 4 patas) e cavalos que vinham ter comigo apenas porque sim… cães que apenas procuravam mimo… é o que digo os animais entendem-se e eu entendo-me tão bem com os ditos irracionais…

Assisti a Santana e senti que quando queremos gerar algo positivo como energia é tão fácil de o fazer mas tão dificil de o manter…

E no meio disto tudo desejei com todas as minhas forças que o mundo começasse a girar no sentido contrário e que as pessoas se apercebessem que só vamos à algum lado juntas… mas não existem contos de fadas…

Namasté _()_

Semana 28 de 52

E de repente tudo o que poderia ser dito… se destrói porque mais uma vez o mundo para na insensatez de loucos que se escondem por detrás de desculpas vãs e vazias…

Até quando Meu Deus… até quando!

Semana 26 e 27 de 52

E o prometido é devido, estou aqui de volta, mais um post dois em um… duas semanas numa… as vezes acontece não conseguirmos ter tempo para tudo o que gostamos de fazer…

Vamos por partes que não me quero perder motivos porque não vim escrever… são:

  • Praia…ou melhor piscina que conforme tinha falado ia aproveitar até não puder mais.
  • Scorpions… e nem há palavras para descrever como foi…ou melhor há… aqui e as palavras são minhas… juntar dois amores num só é agradecer a bênção aos céus.
  • Encomendas… ando de volta dos casacos e acabo por não ter tempo de alapar o real traseiro em frente ao monitor muito tempo.

Por isso andei ausente, não que tenha perdido a vontade de escrever, não me voltou essa vontade pelo que podem uns suspirar de alivio e outros cerrar os dentes de tristeza🙂

Posto isto as semanas foram de mudanças, entre o tiro no pé dos Ingleses, quem disse que eles pensam deve comer sopa com um garfo, e as consequências que essa estupidez causou, eu continuo na minha que vão acabar por dar o dito por não dito…ou então fica sozinhos na sua ilha encantada… aliás era muito bem feito que a Escócia e a Irlanda saíssem do seu jugo… são inteligentes demais para estarem associados aquele bando de labregos… sem ofensa para alguns, poucos, que não o são.

Portugal também ganhou mais umas medalhas que ninguém fala, PARABÉNS ANA DULCE e entretanto a selecção está nas finais… e pronto os cépticos que nunca foram agora estão de camisola vestida a bater no peito… os críticos andam a  procura de algo que lhes de a dose diária de mal dizer… (vai uma aposta que ainda vão criticar o corte de cabelo dos jogadores)… lá fora os jornais têm de se render que afinal Portugal não é Espanha… já que esses já foram a muito com a c@na e que sim somos um país pequeno mas que damos dor de cabeça como o caraças e podíamos dar mais se em vez de um “comedor de caril” tivéssemos um PM a séria com uma parceria a esquerda com estilo e não uma parceria que no seu comando tem uma mal comida (ou f… escolham) e um que não sabe muito bem as quantas anda… pelo menos o PR (Salve Prof. Marcelo) está presente e dá a cara nem que seja a dançar o KUDURO! Olha acaba o Buraka…avança a Banda da Presidência (com todo o respeito obviamente)

E pronto foi assim os meus dias… esta semana acaba o Euro e espero na segunda estar a escrever que o caneco é nosso… sim porque aqui a je pode não ligar um peido a futebol mas quando é a selecção bate forte e sou definitivamente das que até chora quando ganha!

Namaste _()_

Semana 25 de 52

35825Prometo que me vou sentar e deitar cá para fora os meus sentimentos com relação ao “Brexit”… mas não hoje…

A semana foi boa, o comboio não saiu dos trilhos e mesmo com alguns desvios esta a seguir o seu caminho em direcção a bom porto (Oxalá!)

Por isso sim eu sei que os acontecimentos desta semana são graves… que as consequências serão graves se algo não é feito e irei dizer o que sinto… mas hoje? Hoje vou tirar a tarde para mim e deixar a “vitamina Sea” fazer o que melhor sabe… porque também mereço!

Namasté!

PS: Parabéns a selecção pelos quartos! Mas porque não somos só futebol, parabéns Telma Monteiro pelo bronze em Budapest, Fernando Pimenta em canoagem ele sim campeão da Europa e tantos outros que nem ouvimos falar e que tanto fazem!

_()_

Semana 24 de 52

tumblr_static_girl-draw-tired-tumblr-we-heart-it-wordpress-beklysss-blog

“Há um cansaço da inteligência abstracta, e é o mais horroroso dos cansaços. Não pesa como o cansaço do corpo, nem inquieta como o cansaço do conhecimento e da emoção. É um peso da consciência do mundo, um não poder respirar da alma.”
Bernardo Soares

É isto!

Namasté _()_

Semana 23 de 52

“Quando você nasceu, você chorou e o mundo se regozijou. Viva sua vida de tal maneira que, quando você morrer, o MUNDO chore e você se regozije.”

Ditado indio

Foi basicamente o que fiz nesta semana, mais curta, vivi… criei memórias…

Namasté _()_

 

Semana 21 e 22 de 52

13335547_10153592530230918_464756835070162391_n

Sim é verdade que saltei uma semana, a verdade é que as vezes estamos tão envolvidos… tão inundados pelas situações que não conseguimos sair delas por 5s e ver de fora o que se passa.

As semanas têm passado rápido, se de manhã a situação esta num campo, a hora de almoço já está completamente o oposto, para o bem e para o mal e as vezes confesso que me deixa sem chão…sem ar… sem foco.

Por isso hoje depois de ter respirado fundo até sentir uma leve tontura, decidi que já consigo distanciar-me um pouco para puder “falar” destes 15 dias (bolas 15 dias???)

Vamos por partes, que até a mim me custa focar e eu sei como os meus textos saem confusos quando estou assim…

Primeiro tenho tido a minha mãe doente, nada de grave (assim espero eu), mas vermos o nosso pilar de resistência abalado é um soco no estomago daqueles, por isso tenho dedicado o tempo que tenho para cuidar dela (mesmo que ela ache que não)… no fim as memórias criam-se assim também, nas horas em que observamos quem amamos a dormir enquanto lhe vamos acariciando o cabelo… certo?

Segundo alguém muito importante na minha vida tem o genro internado, tumor na cabeça, um deles maligno, não o conheço é um facto, mas basta-me a dor que senti na voz do sogro com quem tenho uma relação profunda de amizade para perder o chão… e a juntar a isso o primo do meu pai foi operado a um mas na bexiga… doença de merda que nos deixa impotentes…

Depois disto é gerir stress do dia-a-dia… que muitas vezes não passam de stress sem sentido mas que ainda me custam a gerir.

Acredito que a medida que vamos ganhando anos de vida e acumulando experiencia, vamos deixando de ter paciência para gente cocó… ou pelo menos eu chego a conclusão que estou assim… satura-me gentinha que acha que é a última bolacha do pacote e depois porque como sai amassada e ninguém a quer comer lamentasse que ninguém lhe dá o devido valor… não tenho paciência para “incompreendidos”, “amargurados”, “queixinhas em modo automático”… gentinha que já está tão habituada a criticar tudo e todos e a fazer jogo duplo que nem perde tempo para ver com quem o esta a fazer e depois? Depois fode-se como gente grande… mas antes disso ainda fode a cabeça a quem não tem nem tempo, nem paciência, nem vontade de os aturar… no meio de dramas reais, levar com “prima donnas” acaba por fazer saltar a cabra que existe em mim com uma força que quando vou a ver já foi.

E no meio destas duas semanas ainda deu tempo para terminar mais uma jornada, a menina que estava a tirar explicações comigo terminou a escola (a que conta já que embora ainda falte 1 semana já ninguém liga a isso… certas coisas não mudam) … o rescaldo? Por palavras dos pais?

“Obrigada por tudo, está muito melhor na escola, mas esta ainda melhor como pessoa, mais confiante e decidida”… digam lá se não é de uma gaja ter orgulho? Ainda por cima estreante?

Quanto as notas? Correu tudo a Bom e Muito Bom🙂

Sim estou a ser cagona, mas tenho direito… deal with it!

De resto a vida é feita de conquistas… e mesmo quando se perde ganha-se sempre alguma coisa com isso! E o tempo corre tão depressa que se não prestamos atenção nem damos por elas… por isso:

13433844_GSFWZ

(saudades tuas meu querido)

Namasté _()_

Semana 20 de 52

Coloque a lealdade e a confiança acima de qualquer coisa, não te alies aos moralmente inferiores, não receies corrigir teus erros.

 Confúcio

E penso que isso resume na perfeição a minha semana, passamos tanto tempo a temer magoar os outros que acabamos nós os magoados… quase como se fosse proibido rir… desejar… viver…

As vezes o que custa é começar mas a verdade é que acaba por ser como quando retiramos um penso rápido… quanto mais depressa melhor.

Estou no caminho… já não é mau!

Namasté _()_

loudness

magazine

Pseudo

Para o que der e vier!

...um mundo igual a tantos outros ... ou não !

Divas em Apuros

Um espaço de convívio para verdadeiras Divas.

Follow

Get every new post delivered to your Inbox.